PESQUISAR NO BLOG - MATÉRIAS DE 2013 A 2021

quinta-feira, 30 de abril de 2020

MEDIDAS RESTRITIVAS: Governador prorroga Fechamento do Comércio, Praias e Parques


Após ter prorrogado o decreto de isolamento social em Pernambuco, com o fechamento do comércio e das atividades classificadas como não essenciais e a proibição de acesso à praia a parques públicos até o final de abril, o Governo de Pernambuco renovou as medidas restritivas, por causa do avanço do Novo Coronavírus, com novo decreto de isolamento social publicado nesta quinta-feira, dia 30.

O Decreto Nº 48.973 mantém a suspensão das atividades econômicas, prorroga o reinício das aulas nas escolas, universidades e demais estabelecimentos de ensino, público e privado, em todo o Estado de Pernambuco. O fechamento do comércio e serviços continua até 15 de maio. 

Já a suspensão das aulas nas escolas, universidades e demais estabelecimentos de ensino, público ou privado, em todo o Estado de Pernambuco permanece em vigor até 31 de maio de 2020. O acesso e a prática de atividades nos parques e praias e nos calçadões das avenidas situadas nas faixas de beira-mar e beira-rio permanecem proibidos até o dia 15 de maio.

No documento, também, o Governo modifica o Decreto nº 48.809, de 14 de março de 2020, e passa a permitir o funcionamento das lojas de material de informática, por meio de entrega em domicílio ou como ponto de coleta. Os serviços de assistência técnica de eletrodomésticos e equipamentos de informática também estão liberados.

As atividades consideradas essenciais permanecem funcionando, dentro dos limites previstos nos decretos. Estão enquadrados nessa categoria, alguns setores, principalmente supermercados, padarias, mercados, lojas de conveniência, feiras livres, lojas de defensivos e insumos agrícolas, farmácias e estabelecimentos de produtos médico-hospitalares, postos de gasolina, bancos e serviços financeiros, inclusive lotéricas, casas de ração animal e depósitos de gás, entre outros.

“Nosso governo tem compromisso com as pessoas. É o que se espera de um governo: humanidade, respeito, coragem para fazer o que precisa ser feito. Toda ação tem consequências. O isolamento social, por mais um tempo, também traz perdas. Mas diminui as perdas irrecuperáveis, que são as vidas humanas”, enfatizou o Governador de Pernambuco, Paulo Câmara. (Com informações de Manuela Figuerêdo/JC. CONFIRA)

Clique em player e confira o pronunciamento do Governador de Pernambuco:

Nova Morte por Coronavírus é Registrada em Garanhuns. Já são 18 casos Positivos. No Agreste, São João e Lajedo também registram pacientes da COVID-19

 

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou na tarde desta quinta-feira, dia 30, que foi confirmado após resultado de testagem laboratorial emitido pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (LACEN-PE), mais um caso de óbito por COVID-19 em Garanhuns.

O caso é de um homem, de 58 anos, morador do bairro Severiano Moraes Filho (Indiano), que estava internado no Hospital Regional Dom Moura, onde veio a óbito na última segunda-feira, dia 27. “Os familiares e pessoas que tiveram contato direto com o caso confirmado, estão sendo monitorados e orientados, por meio das equipes de Vigilância Epidemiológica e Atenção Básica do município, com o objetivo de que cumpram o período determinado de isolamento domiciliar”, registrou a Saúde Municipal. 

Seis casos de COVID-19 também foram confirmados, após resultado de testagem laboratorial. São quatro homens com idades de 17, 27, 30 e 39 anos; e uma mulher de 49 anos. O município tem casos confirmados nos bairros Boa Vista, Aloísio Pinto, São José, Magano (Brasília), Severiano Moraes Filho (Indiano), Francisco Figueira (Cohab II), Heliópolis e Santo Antônio (Centro). "Os familiares e pessoas que tiveram contato direto com os casos confirmados, estão sendo monitorados e orientados, por meio das equipes de Vigilância Epidemiológica e Atenção Básica do município, com o objetivo de que cumpram o período determinado de isolamento domiciliar", registrou a Secretaria de Saúde.

SÃO JOÃO E LAJEDO REGISTRAM NOVOS CASOS POSITIVOS DA COVID-19 E os municípios de São João e de Lajedo também confirmaram na tarde de hoje, dia 30, novos casos da COVID-19.

Em São João, trata-se de uma paciente do sexo feminino, que teve o exame atestado como positivo pelo LACEN-PE. 

Já em Lajedo o paciente infectado é um homem de 80 anos, que realizou o teste na rede privada. Como o exame foi realizado de forma Particular, a Secretaria de Saúde de Lajedo notificou o registro no boletim municipal, porém o caso ainda não foi dado como confirmado pelo Boletim da Secretaria Estadual de Saúde.

AGRESTE MERIDIONAL – Agora a microrregião do Agreste Meridional chega a 38 casos positivos da doença, sendo:  Garanhuns – 18; São Bento do Una – 4; Bom Conselho - 4; Caetés - 2; São João – 2; Lajedo – 2; Águas Belas, Correntes, Lagoa do Ouro, Capoeiras, Jupi, Jucati – 1. 

PERNAMBUCO - A Secretaria Estadual de Saúde confirmou, nesta quinta-feira, dia 30, 682 novos casos da COVID-19 em Pernambuco. Ao todo, o Estado já soma 6.876 casos confirmados (4.371 casos graves e 2.505 casos leves). Também foram confirmados, por exames, 27 novos óbitos. Com isso, Pernambuco totaliza 565 mortes pelo Novo Coronavírus.

BRASIL – E o Ministério da Saúde divulgou nesta quinta-feira, dia 30, o mais recente balanço dos casos de Coronavírus no Brasil. São 85.380 casos confirmados e 5.901 mortes. Com o registro nas últimas 24 horas de 7.218 novos casos, pelo segundo dia consecutivo, o País teve o número mais alto de casos positivos desde o início da Pandemia.  


VIOLÊNCIA: Jovem de 18 Anos é Estuprada em Garanhuns

  

Essa é destaque no Portal Agreste Violento:

Uma Jovem de 18 anos foi vítima de estupro na noite desta quarta-feira, dia 29, aqui em Garanhuns.

Segundo relato da Vítima, Ela caminhava pela Avenida Júlio Brasileiro, no bairro Heliópolis, quando foi abordada por um homem, em um veículo de características não registradas, que anunciou um assalto. Ainda segundo a Vítima, Ela teria entregue o celular ao criminoso, que não satisfeito teria lhe forçado a entrar no carro, inclusive a agredindo. Com a agressão, Ela teria desmaiado e só acordado quando já estava amarrada, numa área de matagal, nas proximidades do Assai Atacadista, onde revela ter sido estuprada.

De acordo com o Portal Agreste Violento, após a violência sexual o criminoso deixou a Vítima nas proximidades do Hospital Regional Dom Moura. O caso  foi levado ao conhecimento das autoridades e já está sendo investigado pela Polícia Civil.

GARANHUNS: Homem é Assassinado na Frente do Filho em Manoel Chéu

 

E mesmo em tempo de Pandemia, a violência segue presente no seio da sociedade. Ontem, dia 29, um Homem, de 38 anos, foi assassinado a tiros no bairro Manoel Chéu, aqui em Garanhuns.

Sandro de Góes Miranda (imagem ao lado), conhecido popularmente como Castainho, caminhava ao lado do filho, de apenas 10 anos, pela Travessa Luiz Souto Dourado, quando dois homens se aproximaram e efetuaram vários disparos de arma de fogo. Ele foi alvejado nas costas e morreu no local. A criança não foi atingida pelos disparos.

Após o crime, os assassinos fugiram a pé com destino ignorado. O corpo de Sandro de Góes foi periciado e encaminhado para o IML, em Caruaru. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios de Garanhuns. (Com informações e imagem do Portal Agreste Violento)

LUTO: Garanhuns perde a Competência de Antônio Edson


O Prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB) decretou luto oficial por três dias pelo falecimento do ex-vereador Antônio Edson de Araújo Lima, registrado ontem, dia 29.

Homem de muitos amigos, Antônio Edson também foi coordenador da Ciretran/Garanhuns, e trabalhou como professor, advogado e por muitos anos emprestou a sua voz à antiga Rádio Difusora, atual Rádio Jornal, sobretudo em transmissões esportivas. Casado com Verônica Wanderley, ele também exerceu o mandato de Vereador por três legislaturas, tendo sido eleito nos anos 1968; 1972 e 1976.

“Um homem tranquilo, cordial, querido por todos. Nossos sinceros sentimentos. Que Deus conforte à família”, reconheceu o Prefeito Izaías Régis, em nota divulgada nas mídias sociais. O corpo de Antônio Edson será velado na Funerária Suissa, das 9 às 11h. O sepultamento está previsto para as 11h, no Cemitério São Cristóvão.  

PANDEMIA: Morte é Confirmada por COVID-19 em Garanhuns. Outros Quatro Casos Positivos da Doença também são Confirmados

 

O teste de um dos dois homens que faleceram nesta semana aqui em Garanhuns por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) deu positivo para o COVID-19. O resultado foi divulgado na noite de ontem, dia 29. Com a confirmação, essa é a quarta morte pela doença registrada aqui em Garanhuns.

O Paciente era um homem, de 53 anos, que estava internado no Hospital Regional Dom Moura, onde veio a óbito. Ele residia no bairro Francisco Figueira (Cohab 2) e por apresentar um quadro de SRAG passou por coleta de material para testagem realizada no Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (LACEN-PE).

Além da confirmação do óbito por COVID-19, outros quatro novos casos da doença foram revelados após resultado de testagem laboratorial nessa quarta-feira, dia 29. Com isso Garanhuns passa a ter 16 casos positivos do Novo Coronavírus, com quatro mortes; três pessoas recuperadas e outras nove em isolamento/tratamento. Ainda há outras cinco pessoas que apresentam sintomas de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e que aguardam resultado de testagem laboratorial, para posterior confirmação ou descarte de COVID-19.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Garanhuns, os familiares e pessoas que tiveram contato direto com os casos confirmados, estão sendo monitorados e orientados, por meio das equipes de Vigilância Epidemiológica e Atenção Básica do município, com o objetivo de que cumpram o período de isolamento domiciliar.

quarta-feira, 29 de abril de 2020

GARANHUNS: Prefeitura reduz Salários de Servidores para Evitar Demissões


Diante do quadro de dificuldades que todos os Municípios Brasileiros atravessam por conta da queda na arrecadação municipal decorrente do estado de calamidade pública instalado com a Pandemia do Novo Coronavírus, praticamente todas as Prefeituras estão adotando medidas de contingenciamento de gastos, sobretudo para garantir o pagamento dos Servidores e seguir trabalhando no enfrentamento aos efeitos gerados pelo COVID-19.

É que com a economia do País parada, a Receita Municipal despencou, já que as Empresas não estão recolhendo o ICMS nem o ISS, muito menos a população está em condições de pagar o IPTU. Além disso, os efeitos da economia paralisada também refletem nos repasses do FPM, que já caíram neste mês de abril e sinalizam queda ainda mais acentuada no próximo mês de Maio.

Aqui em Garanhuns, a Prefeitura decidiu reduzir os vencimentos dos Servidores Municipais para evitar demissões. Foram reduzidos em 30% os salários do Prefeito; do Vice-prefeito; dos Secretários Municipais e dos Cargos Comissionados, com exceção dos servidores lotados nas secretarias de Saúde e Assistência Social, bem como na AMSTT, que estão na linha de enfrentamento ao COVID-19. Também foram reduzidos em 30% o valor dos salários dos servidores contratados que não estão exercendo suas funções regularmente, por conta da Pandemia, e, consequentemente, estão em suas casas aguardando para voltar as suas atividades normais.

Como não poderia ser diferente, a medida não agradou, e surgiram reclamações junto a Imprensa e nas mídias sociais. Diante da repercussão, o Governo Municipal de Garanhuns emitiu a seguinte Nota de Esclarecimento:

“A Prefeitura de Garanhuns esclarece que todos os contratos da municipalidade foram celebrados com o objetivo de atender situações de excepcionalidade, sendo desempenhados em funções temporárias, diante da necessidade e do interesse público. A partir da situação atual, caracterizada pela pandemia do Coronavírus, o Governo Municipal tomou algumas decisões estratégicas de enfrentamento à COVID- 19. Entre elas está a edição do Decreto nº 015/2020, que reconheceu a emergência advinda da pandemia. Entre outras medidas, o Decreto suspendeu as atividades administrativas não essenciais, bem como as aulas da Rede Municipal de Ensino, o que, consequentemente, levaria a suspensão de contratos celebrados com o Município.

Ao contrário das decisões tomadas por outros municípios de Pernambuco, o Governo Municipal, mesmo optando pela suspensão temporária destas atividades, resolveu não rescindir os contratos. Desta forma, foi encaminhado o Projeto de Lei nº 009/2020, ao Poder Legislativo Municipal, o qual possibilitará a manutenção destes contratos, diante da suspensão
das atividades administrativas, aplicando uma redução do percentual dos vencimentos.

No cenário de pandemia, em que alguns servidores não estão desempenhando as funções regularmente, a Gestão optou pelo caminho menos gravoso, possibilitando a manutenção destes contratos. Além de que, diante da redução da arrecadação, poderá haver uma queda de receita de aproximadamente R$ 30.000.000,00, para mais ou menos, conforme calculadora pública; o que levaria consequentemente a rescisão desses contratos.

É importante ressaltar que a manutenção dos contratos é um dos maiores esforços promovidos pela Gestão Municipal, priorizando a garantia dos vencimentos de servidores efetivos, contratados e comissionados da municipalidade. Inclusive, estipulando como menor valor a ser recebido, o mesmo estabelecido no auxílio emergencial prestado pelo Governo Federal (RS 600,00).

Ainda buscando evitar a suspensão dos contratos, e possibilitando a manutenção das rendas, foi determinada a redução do mesmo percentual para todos os servidores comissionados e de cargos de confiança. Tal medida, além de possibilitar a manutenção dos contratos, também busca não gerar desemprego, direcionando o uso de todos recursos para o combate à pandemia de COVID-19 no âmbito municipal”.

POSITIVO: São João registra Primeiro Caso do COVID-19


A Prefeitura de São João confirmou no inicio da noite de hoje, dia 29, o primeiro caso do Novo Coronavírus naquele Município. 

Trata-se de um jovem de 21 anos, que estava sendo monitorado por ter histórico de viagem e frequentado locais onde existe a COVID-19 nos últimos 14 dias. A confirmação se deu por resultado de exame laboratorial em rede privada com diagnóstico molecular positivo para a doença. O Paciente segue cumprindo isolamento domiciliar. Já os familiares e pessoas que tiveram contato direto com o caso confirmado estão sob monitoramento da Secretaria de Saúde de São João. 

AGRESTE MERIDIONAL – Agora a microrregião do Agreste Meridional chega a 29 casos positivos da doença, sendo:  Garanhuns – 11; São Bento do Una – 4; Bom Conselho - 4; Caetés - 2; São João, Águas Belas, Correntes, Lagoa do Ouro, Lajedo, Capoeiras, Jupi, Jucati – 1. 

AGRESTE: Primeiro Caso de Coronavírus é registrado em Águas Belas


Na manhã desta quarta-feira, dia 29, a Secretaria de Saúde de Águas Belas confirmou o primeiro caso do Novo Coronavírus naquele Município. 


“O caso positivo estava sendo monitorado pela vigilância epidemiológica há 15 dias, e na semana passada deu entrada no Hospital Municipal João Secundino de Souza com dificuldade respiratória onde foi atendido pelo Médico da Unidade, estabilizado e orientado a permanecer em isolamento domiciliar. Realizou exame sorológico particular com resultado positivo para COVID-19”, registrou Geórgia Nunes, da Coordenação Vigilância em Saúde de Águas Belas. 


Ainda segundo informações, a coleta do material para exame foi realizada na última quinta-feira, dia 23, o resultado chegou hoje a Vigilância em Saúde. “A família está sendo acompanhada pela equipe da atenção primária responsável pela área onde o paciente reside”, pontuou Geórgia. O paciente em questão é um homem de 43 anos. O quadro clínico é estável, sem sintomas graves e segue sendo acompanhado pelas equipes da saúde municipal. 

AGRESTE MERIDIONAL – Com o caso registrado em Águas Belas, a microrregião do Agreste Meridional já soma 28 casos positivos da COVID-19: Garanhuns – 11; São Bento do Una – 4; Bom Conselho - 4; Caetés - 2; Águas Belas, Correntes, Lagoa do Ouro, Lajedo, Capoeiras, Jupi, Jucati – 1. (Com informações e imagem do Portal IGSWeb. CONFIRA

Clique em player e confira o pronunciamento do Prefeito Luiz Aroldo: 

PERNAMBUCO: Conselho Regional de Medicina recomenda Priorizar Leitos de UTI do Coronavírus para quem tem mais chance de Sobreviver


O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (CREMEPE) divulgou uma recomendação com definição de critérios de prioridade de internação dos pacientes infectados com Coronavírus em unidade de terapia intensiva (UTI), na falta de leitos para atender a demanda terapêutica. 

A Recomendação de acesso a vagas de terapia intensiva leva em consideração a condição clínica do paciente, as doenças preexistentes (ou seja, àquelas diagnosticadas antes da infecção pelo Coronavírus) e a fragilidade - condição que tem implicações na qualidade de vida e na autonomia de cada pessoa. Essa recomendação foi feita no momento em que Pernambuco enfrenta uma franca aceleração da curva epidêmica de COVID-19, o que causa uma pressão imensa no sistema de saúde, com taxas de ocupação dos leitos de UTI no limite. 

"Nós não podemos interferir na política de saúde do Estado. Mas, diante do cenário de leitos insuficientes para a grande demanda de pacientes (com suspeita ou confirmação de COVID-19), podemos ajudar na tomada de decisão para priorização do acesso. Não estamos falando em fazer um corte por faixa etária, como fez a Itália. A nossa recomendação reúne três tipos de score para dar a decisão (ao médico) de que pacientes estão com maior necessidade de UTI e maior chance de sobrevivência", explica o vice-presidente do CREMEPE, Maurício José de Matos e Silva.

"Encaminhamos a recomendação à à Secretaria Estadual de Saúde, Órgão que cabe avaliar essa nossa contribuição. A Secretaria deve se pronunciar, poderá usar totalmente a recomendação ou parte dela", informa Maurício, ciente de que a missão do Médico de decidir o paciente que deve ser encaminhado a um leito de UTI, nesse cenário de esgotamento da rede, é extremamente difícil. "Parece cruel, mas alguém tem que fazer isso."

Até ontem, dia 29, Pernambuco estava com uma taxa de ocupação de leitos de UTI num percentual crítico de 97%, ou seja, dos 367 leitos de UTI instalados em todo o Estado, restavam apenas 11 leitos disponíveis, informação que deve justificar a recomendação do CREMEPE. (Com informações de Cinthya Leite/JC. CONFIRA